Uma das fases mais minuciosas e complexas do financiamento imobiliário é a entrega de documentos. Afinal, é uma grande quantidade de papéis que precisa estar dentro dos padrões de cada banco. Para facilitar, separamos abaixo alguns documentos que normalmente são exigidos. Lembramos que, tanto os compradores quanto os vendedores, não podem ter restrições financeiras (Serasa, SCPC, etc.)!

 

Documentos dos Compradores - Pessoa Física:

  • CPF;
  • RG;
  • Certidão de Nascimento ou de Casamento;
  • Comprovante de Renda atualizado;
  • Certidão Conjunta de Débitos de Tributos Federais.

Aqueles que desejam utilizar o FGTS para conseguir o financiamento, devem apresentar ainda:

  • Extrato atualizado do FGTS;
  • cópia de um comprovante de residência (últimos três meses);
  • cópia da Carteira de Trabalho e Previdência Social (CTPS);
  • cópia da última declaração do Imposto de Renda;
  • no caso de uma pessoa casada, é necessária a última declaração do Imposto de Renda do cônjuge.

 

Documentos dos Compradores - Pessoa Jurídica:

  • Contrato Social ou Estatuto Social atualizado com as recentes alterações contratuais e estatuárias;
  • Certidão Negativa de Débitos com o INSS;
  • Certidão de Quitação de Tributos Federais;
  • Cerificado de Regularidade do FGTS;
  • Documentos pessoais dos sócios que representam a empresa (ver documentação Pessoa Física);

 

Documentos dos Vendedores - Pessoa Física:

  • CPF;
  • RG;
  • Certidão de Nascimento ou de Casamento;
  • Declaração de profissão;
  • Certidão Conjunta de Débitos referentes aos Tributos Federais.

 

Documentos dos Vendedores - Pessoa Jurídica:

  • cópia do Contrato Social ou Estatuto Social consolidado e registrado na junta comercial;
  • Certidão Negativa de Débitos com o INSS;
  • Certidão de Quitação de Tributos Federais;
  • Cerificado de Regularidade do FGTS;
  • ata de eleição da diretoria registrada na junta comercial, no caso de empresas que possuem apenas o Estatuto Social;
  • Documentos pessoais dos sócios que representam a empresa (ver documentação Pessoa Física);

 

Documentos do Imóvel:

  • Certidões Negativas de Débitos relativos ao Imposto Predial e Territorial Urbano (IPTU);
  • Certidão Vintenária (20 anos) com negativa de ônus reais, atualizada;
  • no caso de imóveis em condomínio, Declaração de Inexistência de Débito Condominial com firma reconhecida do síndico, juntamente com cópia da Ata de Assembleia que o elegeu;
  • título de propriedade registrado;
  • caso o imóvel esteja financiado por outro agente bancário, deve-se apresentar a declaração de saldo devedor para a nova instituição financiadora.

 

UFA! São muitos documentos e minúcias que envolvem a contratação de um financiamento imobiliário! O que acha de contar com a ajuda de especialistas na hora de comprar o seu imóvel? Então fique tranquilo e entre em contato conosco!

Curtiu? Então compartilhe: